jan 13
água para o bebê

Água para o bebê: quanto, como e quando dar.

Você quer saber quando começar a dar água para o bebê? Tem dúvidas com relação à quantidade e a forma ideal de oferecer água aos pequenos? 

À primeira vista, estas parecem ser dúvidas pequenas, mas, na verdade, podem atormentar muitos pais e mães de primeira viagem. Como já se sabe, esse é um líquido 100% natural e essencial para o bom funcionamento do organismo. Portanto, a preocupação com a hidratação de um filho é algo habitual, ainda mais quando eles são bebês.

Na verdade, a hidratação na gravidez já faz muito bem para mãe e para o bebê. Auxílio na circulação placentária, redução no inchaço, bem como prevenção de infecção urinária são alguns dos benefícios. Se quiser saber mais sobre a importância de beber água durante a gestação, leia este artigo do Blog.

Neste texto, vamos esclarecer as principais dúvidas sobre quando, como e quanto devemos oferecer de água para o bebê.

Quando é um bom momento para começar?

Os pediatras recomendam que a oferta de água para o bebê comece a partir dos 6 meses. Esta é a idade em que o leite materno deixa de ser a única fonte de alimentação. Alguns alimentos passam a fazer parte do cotidiano da criança, juntamente com a água.

Por outro lado, O bebê que mama exclusivamente no seio da mãe até aos 6 meses de idade não precisa de água. O leite materno é constituído por 88% de água e possui tudo o que o bebê precisa para saciar a sede e o apetite. Dessa forma, sempre que a mãe amamenta, o bebê está bebendo água através do leite.

Para produzir a quantidade de leite materno necessária à nutrição do seu filho, é muito importante que a mãe beba muita água diariamente. Esta é uma das recomendações para quem precisa aumentar a produção de leite materno.

Além disso, bebês com menos de 6 meses possuem o estômago menor. Caso bebam água, pode haver diminuição da vontade de mamar, o que pode acarretar deficiências nutricionais, por exemplo. 

Qual é a quantidade certa de água para o bebê?

água para o bebê

Desde já, é importante entender que todos nós, adultos ou bebês, devemos beber água de acordo com o nosso peso corporal. Embora existam médias de consumo diário (cerca de 2L), há um cálculo exato de quanto cada pessoa precisa ingerir. 

Para os adultos, o cálculo segue uma fórmula, que vale para ambos os sexos: 35 ml X peso corporal (em kg). Clique aqui para calcular a quantidade ideal para o seu peso.

Logo, a quantidade correta de água para o bebê também deve levar em conta o peso da criança. Veja na tabela a seguir.

IDADE DO BEBÊ QUANTIDADE DE ÁGUA POR DIA
Pré-maturo com menos de 1 kg 150 ml por cada kg de peso
Pré-maturo com mais de 1 kg 100 a 150 ml por cada kg de peso
Bebês com até 10 Kg 100 ml por cada kg de peso
Bebês entre 11 e 20 kg 1 litro + 50 ml por cada kg de peso
Bebês com mais de 20 kg 1,5 litro + 20 ml por cada kg de peso

Ofereça o líquido várias vezes ao dia e leve em conta a quantidade de água presente nas sopas e sucos de frutas. Ao mesmo tempo, é preciso que o bebê também se acostume a tomar somente água, que não tem cor, nem sabor. 

Água para o bebê: até aos 6 meses de idade

A necessidade média diária de água para o bebê saudável, até aos 6 meses de idade, é de cerca de 700 ml. Como já mencionado, essa quantidade é completamente obtida através do leite materno, caso seja essa a única fonte de alimentação. Porém, se o bebê se alimenta apenas com leite em pó, é necessário dar cerca de 100 a 200 ml de água por dia aproximadamente.

Dos 7 aos 12 meses de idade

Logo depois, com a introdução dos alimentos, a necessidade de água do bebê é de cerca de 800 ml de água por dia. Do total, 600 ml devem de ser na forma de líquidos como leite, suco ou água.

De 1 a 3 anos

Já as crianças entre 1 e 3 anos precisam beber cerca de 1,3 litros de água diariamente. Vale lembrar que todas essas orientações estão considerando um bebê saudável, sem nenhum sinal de desidratação. Você sabe quais são os sinais de desidratação na criança? E nos adultos?

Diarreia, vômito e outros problemas de saúde podem causar este quadro e, sendo assim, é importante oferecer ainda mais água para o bebê. Se necessário, prepare soro caseiro e ofereça simultaneamente.

Do mesmo modo, no verão, a quantidade de água tem que ser ainda maior do que a foi recomendada. No calor, perdemos mais líquido por conta do suor. Para evitar quaisquer problemas, ofereça água, chá ou suco natural à criança, mesmo sem demanda. Para isso, tenha sempre uma garrafinha com água purificada ou um Europa MOV por perto. 

Você pode usar a urina como um parâmetro para saber se o seu filho está hidratado. Quando está amarelada, com odor forte e baixa frequência, sinal de alerta. Talvez seja necessário dar mais água para o bebê ou aumentar as mamadas.

E você, já está na fase de oferecer água ao seu filho? Esperamos ter ajudado um pouco no cuidado diário de quem você mais ama.

purificador de água gelada com filtro Europa